quinta-feira, 2 de junho de 2011

Complemento Esparta e Atenas - Sociedade


a)Esparta:
Sociedade: a sociedade espartana era dividida em 3 classes: os esparciatas(constituíam a aristocracia de Esparta), os periecos(homens livres, sem cidadania, dedicavam-se à agricultura, ao comércio e ao artesanato) e os hilotas(servos do estado, realizavam todos os trabalhos manuais; constituíam a maioria da população de Esparta.
Política: as instituições políticas eram a diarquia, a gerúsia, a ápela e o eforato. Esparta possuía 2 reis. O verdadeiro poder em Esparta era exercido pelos 5 éforos ou vigilantes. A legislação baseava-se em um código de leis atribuído a Licurgo – extremamente rígida preservava a sociedade guerreira. O governo era Oligárquico(governo de poucos).
Cultura: Esparta baniu as artes e as letras, toda a sociedade estava voltada para a guerra. O exército tinha importância fundamental(ordem interna e externa).
Educação: a educação de seus cidadãos baseava-se no treinamento militar e na subordinação da vida individual aos interesses do Estado. Era dirigida para obediência e autoridade.
Economia: predominava uma economia agrícola, sendo que o comércio e as manufaturas nunca foram devidamente incentivados na sociedade espartana.

b)Atenas:
Sociedade: divida em 3 classes: cidadãos que subdividia-se em várias camadas: eupátridas(aristocracia agrária), georgoi(pequenos agricultores e demiurgos(artesãos e comerciantes). Os metecos(estrangeiros residentes em atenas, dedicavam-se geralmente à indústria e ao comércio. Os escravos(constituíam a maior parte da população).
Política: a monarquia foi a primeira forma de governar adotada por Atenas, cujo rei recebia o título de basileus. Com o passar do tempo a aristocracia eupátrida substitui aquela forma de governo por um regime oligárquico – aristocrático. O basileus foi substituído por 9 arcontes, magistrados eleitos anualmente pelo areópago. As leis voltadas pelo areópago eram votadas pela eclésia, assembléia popular formada pelos cidadãos.
Cultura: tinha um gênio intelectual e possuía uma democracia de cidadãos, dela não participavam os estrangeiros, as mulheres e os escravos.
Educação: procurava educar o corpo, pois possuía um gênio intelectual e não visavam as guerras.
Economia: sofreu transformações devido a colonização do mares Negro e Mediterrâneo, impulsionando o desenvolvimento do comércio e da navegação.

c)Quadro comparativo:
Sociedade
Ambas civilizações possuíam classes definidas em aristocracia, cidadãos e escravos.
Política
Em Esparta a política era conservadora, já em Atenas a política sofreu várias transformações desde a monarquia até a democracia.
Cultura
Possuíam culturas bem diferentes, Esparta baniu as artes, as letras, Atenas era voltada mais para o intelectual.
Educação
Esparta baseava-se na educação militar e na subordinação da vida intelectual do cidadão, em Atenas a educação era voltada em educar o corpo sem esquecer do intelectual.
Economia
Em Esparta a economia caracterizou-se por um coletivismo agrário, em Atenas a economia desenvolveu-se no comércio e na navegação.



Não fui eu quem escrevi mas me ajudou a responder algumas questões.

2 comentários: